anemia-ferropriva-saiba-mais-sobre-ela.jpeg

Anemia ferropriva: saiba mais sobre ela

As células do sangue se dividem em três grupos: glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas. Os glóbulos vermelhos, também conhecidos como hemácias, são responsáveis, principalmente, pelo transporte de oxigênio. Os glóbulos brancos são as células de defesa do organismo, que agem contra agentes infecciosos. E as plaquetas participam do processo de coagulação sanguínea.

A falta ou alteração na função de qualquer um dos tipos das células sanguíneas traz consequências para o organismo. A condição na qual há diminuição no número de glóbulos vermelhos no sangue é a anemia, que pode ser subdividida em vários tipos. Neste texto, falaremos sobre um desses tipos, a anemia ferropriva.

O que é a anemia ferropriva?

A anemia ferropriva, também conhecida como anemia por deficiência de ferro, é o tipo causado pelos baixos níveis de ferro no organismo. Essa privação ou deficiência do nutriente leva à diminuição da produção de glóbulos vermelhos, além de afetar o tamanho e o teor de hemoglobina das células. É o principal tipo de anemia.

Os baixos níveis de ferro levam à anemia, pois a hemoglobina, proteína central da hemácia, é constituída por quatro íons de ferro. Ela é a parte da célula da hemácia que se liga ao oxigênio para transportá-lo.

No início, o problema não apresenta sintomas, na maioria das vezes. Mas o aumento da gravidade do quadro de anemia pode levar a:

  • dor no peito;
  • dor de cabeça;
  • fadiga e cansaço excessivos;
  • pele e mucosas pálidas;
  • palpitações;
  • tontura;
  • falta de ar;
  • dificuldade de concentração;
  • perda de apetite;
  • vontade de comer coisas que não são alimentos.

Quais as suas causas?

As principais causas da anemia ferropriva são:

Falta de ferro na alimentação

alimentação inadequada, com baixas quantidades de ferro, é a principal causa da anemia ferropriva. Normalmente, a baixa ingestão do nutriente está relacionada a:

  • dietas restritivas para emagrecimento;
  • distúrbios alimentares, como bulimia e anorexia;
  • bebês que não são alimentados com leite materno e tomam apenas leite de vaca;
  • pouca ou nenhuma ingestão de carne sem substituição desses alimentos;
  • pouca ou nenhuma ingestão de legumes e verduras de folhas escuras.

Diminuição da absorção de ferro no trato gastrointestinal

Algumas condições clínicas podem gerar alterações na mucosa do trato gastrointestinal, levando à diminuição da absorção do ferro. Essas condições incluem: doença celíaca, cirurgias com retirada de parte do sistema gastrointestinal (estômago, intestino delgado), parasitoses intestinais, trânsito intestinal acelerado (diarreias crônicas).

Perda de sangue recorrente

A perda de sangue recorrente faz com que o organismo tenha que produzir mais hemácias e acabe com o estoque de ferro armazenado. Essa perda pode estar relacionada a:

  • sangramentos crônicos do tubo digestivo (úlcera, doenças inflamatórias);
  • fluxo sanguíneo menstrual longo e de grande volume;
  • sangramentos constantes pelo nariz.

Como é feito o tratamento?

O principal tratamento para a anemia ferropriva é a suplementação de ferro para repor os níveis desse mineral no organismo. Em casos mais leves, a mudança na alimentação pode ser o suficiente para que essa reposição seja feita.

A dose e a duração do tratamento com suplementação são definidas pelo médico. É indicado o aumento de ingestão de alimentos ricos em ferro:

  • folhas verde-escuro;
  • leguminosas (feijão, ervilha);
  • fígado, miúdos;
  • salmão, atum;
  • carne vermelha;
  • gema de ovo.

É importante conhecer as causas e sintomas da anemia ferropriva para a prevenção do seu surgimento e procurar por ajuda médica, caso essas alterações sejam percebidas. O problema, se não tratado, pode trazer sérias consequências para a saúde do indivíduo.

Se você gostou do texto e quer continuar lendo sobre o tema, continue no site e saiba mais sobre os outros tipos de anemia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This